Alteração no Processamento Auditivo: quando suspeitar?

Avaliação do Processamento Auditivo

O que é processamento auditivo?

Processamento auditivo refere-se à forma pela qual o Sistema Auditivo Central analisa e interpreta os sons que ouvimos. Todos os sons que ouvimos, para que sejam compreendidos, devem ser traduzidos pelo nosso cérebro.

 

Alteração no Processamento Auditivo – Quando suspeitar desta alteração?

A alteração do processamento auditivo pode ocorrer em pessoas com audição normal ou com perda auditiva.

Entenda o problema:

O que é?

  • Pessoas com o distúrbio de processamento auditivo escutam os sons, mas têm dificuldades de entende-los, armazená-los e localizá-los. O DPAC é uma falha do Sistema Nervoso Central.

  • Informações são ouvidas normalmente

  • Há uma deficiência neurológica que prejudica a compreensão das informações

  • Dificuldade de ouvir com ruído – uma conversa no meio da rua exige muito esforça

  • Não consegue localizar de onde vem o som

  • Problemas em seguir instruções

  • Dificuldade de entender ritmo, ênfase e entonação

  • Grande esforço para se manter concentrado

  • Problemas de leitura, escrita e linguagem (dificuldade de contar uma história, por exemplo)

Alguns sinais e os sintomas

  • Os sintomas podem variar e ter diferentes formas de manifestação. Confira se você ou alguém que conheça apresenta alguns desses sinais e sintomas:
  • Parece não ouvir bem
  • É muito distraída ou desatenta
  • Demora em escutar e/ou entender quando chamada sua atenção
  • Fala muito “hã”, “o quê?” ou “não entendi”
  • Possui dificuldade para lembrar o que foi dito ou parece ter problemas de memória
  • Tem fala diferente de outras crianças da mesma idade
  • Tem dificuldade para entender o que está sendo falado quando em ambientes ruidosos ou com muitas pessoas falando ao mesmo tempo
  • Há cansaço ou atenção curta para sons em geral
  • Deixa o volume da televisão muito alto
  • Apresenta dificuldade de localizar o som
  • Apresenta dificuldades em seguir orientações ou sequencia de tarefas que lhe foi falada
  • Tem dificuldade em contar um fato ou história e transmitir recados
  • Tem dificuldades em entender piadas ou duplo sentido

 

Como é realizada a Avaliação do Processamento Auditivo?

Na avaliação são realizados diferentes testes para investigar diferentes habilidades auditivas. Os testes são selecionados de acordo com a faixa etária e capacidade de respostas do paciente. A avaliação é realizada em duas sessões. É realizada ou cabine acústica, com equipamentos e matérias específicos.

Para realização da avaliação, o paciente precisa ter uma audiometria recente. Esta avaliação pode ser realizada no mesmo dia do início da Avaliação do Processamento Auditivo (dependendo das regras de convênio, se for caso).

Os testes realizados buscam simular situações de escuta difícil, as quais exigem um bom desempenho das habilidades auditivas e possibilitam identificar possíveis disfunções.

Após a aplicação a bateria de testes, o fonoaudiólogo responsável irá realizar a análise dos resultados. Essas informações são apresentadas e entregues ao paciente/responsável em um relatório. Ao final da avaliação, o paciente/responsável recebem as explicações de maneira detalhada quanto ao diagnóstico e conduta.

 

Como agendar?

Inicialmente, assim que perceber algum dos sinais e sintomas listados acima, procure um médico. O médico deverá encaminhar para os exames necessários, de acordo com a queixa.

No caso de pacientes que já se encontram em processo de fonoterapia, o profissional responsável também pode solicitar essa avaliação.

No Hospital Paulista, contamos com equipe especializada e altamente capacitada para realizar esta avaliação.

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer participar?
Deixe o seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *